Connect with us

Entretenimento

Festival de música PUBLIMUSIC, avança para a nova etapa

Publicado

em

Em sua terceira edição, o festival de música Publimusic vem se destacando anualmente. Criado pelo paraense Abrahão Maciel, CEO e fundador da AMS Music, na intenção de dar voz e apresentar ao mercado da música novos talentos, o Publimusic premiará o vencedor com o valor de R$10.000,00 (dez mil reais).

Com sua nova dinâmica, a primeira de uma sequência de 9 lives, que aconteceu no dia 13 de maio, com apresentação de Niwton Barros e participação do comunicador e radialista Wellington Barró. Nesta primeira live foram divulgados os nomes dos 100 aprovados da edição, com transmissão pelo canal oficial da AMS Music no YouTube.

O concurso, que teve início no dia 25 de março, acontece de forma 100% online no YouTube, em suas edições passadas o festival revelou talentos pelo país e premiou as cantoras Talita Pedrosa, de Duque de Caxias (RJ) e Lari Macário, de Atibaia (SP), desta vez, após o encerramento das audições no dia 1 de maio, passou de 1.000 participantes de diferentes estados do país, principalmente, São Paulo e Rio de Janeiro, contando ainda com participantes de Portugal e Colômbia.

Pensando na objetividade do evento, para participar foi necessário apenas enviar e publicar em suas redes sociais um dueto do single oficial do concurso deste ano intitulado “Mais”, do cantor Rafael Oliveira, disponível em todas as plataformas digitais.

Publicidade

NOVIDADES DO FESTIVAL

Na primeira live teve uma eliminação surpresa de 5 candidatos com votação ao vivo, restando agora 95 participantes. A próxima live acontece dia 17 de maio, com votação e eliminações ao vivo.

Para que o público possa conhecer melhor cada um dos participantes o criador do festival, Abrahão Maciel tem feito diariamente lives no perfil do Publimusic no Instagram, lá os internautas podem enviar perguntas direto para o candidato.

A NOVA ETAPA DO CONCURSO

Nesta nova etapa, já escolhido pelos curadores os nomes dos 100 aprovados, restaram 95 que passaram para a nova etapa.

Publicidade

Atenção as datas das próximas lives:
17/06, 22/07, 29/07, 05/08, 12/08, 19/08, 26/08 e 07/09.

Cada curador será responsável por um grupo de participantes e as apresentações e votações acontecerão sempre durante a live transmitida no canal da AMS Music.

Serão 9 lives e em cada uma delas serão eliminados de 5 a 15 candidatos, até restarem apenas 5 finalistas que vão então disputar o prêmio dessa edição.

A CURADORIA E APRESENTAÇÃO

Composta por produtores musicais e incentivadores do festival, a curadoria deste ano terá presenças de Rômulo Rizo, Jefferson Rocha, Marcos Vinicius, Claudio Carvalho e Nilson Fernandes.

Publicidade

Na apresentação está o carioca Niwton Barros, que nesta etapa apresentou ao lado do comunicador e radialista paulista Wellington Barró que já trabalhou em rádios como RCP, Transamérica, Adore FM, Sara Brasil FM, Ideal FM e Rádio Nacional.

Agora é hora de reunir a torcida e acompanhar de pertinho cada nova etapa da terceira edição do Festival Publimusic!

Acompanhe a Publimusic nas redes sociais e fique por dentro de todas as novidades!
Instagram: https://instagram.com/publimusicoficial
YouTube: https://youtube.com/c/AMSMUSICBRASIL

Acompanhe também a AMS Music no Instagram: https://instagram.com/amsmusicbrasil

Gospel Channel com Agência Infinit

Publicidade

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Televisão

“O Canta Comigo mudou a minha vida”, diz Ricardo Hora sobre programa da Record

Publicado

em

O cantor Ricardo Hora, que tem participado das gravações do programa “Canta Comigo”, transmitido pela Rede Record. Segundo o artista, fazer parte do time de jurados tem sido uma experiência emocionante. O programa, que inicialmente era apresentado pelo ex-apresentador de TV Gugu, agora é comandado por Rodrigo Faro.

“As gravações têm sido emocionantes. Estar naquele painel junto com 99 jurados não me faz apenas um avaliador de candidatos, mas me faz também sentir a emoção que eles querem passar para a gente. Cantar não é apenas ser afinado, mas é também conquistar os jurados para cantar junto. Conhecer novas histórias tem sido muito gratificante”, pontua Ricardo Hora.

É esse o critério que Ricardo Hora tem usado para votar nos candidatos. “Às vezes a pessoa canta muito bem, mas nem sempre consegue transmitir a emoção e o programa pede exatamente isso, essa conexão de emoções. O candidato deve transmitir essa conexão que ele tem com a música”, ressalta.

Um Lugar de Novas Conexões

Publicidade

Falando em conexões, Ricardo Hora ainda comenta que o programa tem sido um lugar onde tem feito novos amigos artistas. “Ter um painel com vários artistas de profissões diferentes tem sido incrível porque agrega bastante à minha carreira. Trouxe algo a mais para a minha evolução, como dubladores, atores de teatro musical por exemplo”, revela.

“Fui abraçado pelo programa de uma forma muito especial. O fato de estarmos avaliando o sonho de algumas pessoas, faz com que a gente tenha uma conexão muito forte e nos tornamos mais que amigos, mas membros de uma família. É tão bom ver como os participantes têm abraçado as dicas. A repescagem é a parte do programa que eu mais gosto”, revela.

Segundo Ricardo Hora, o programa mudou sua vida. “O programa tem me gerado mais confiança não apenas em mim, mas também no meu trabalho. Tenho aprendido a não desistir fácil, pois a trajetória do cantor e do artista é feita de vários ‘nãos’, mas é preciso continuar em busca do ‘sim’. Isso tem me dado mais força”, coloca.

Canta Comigo

Diferente de outros programas musicais, o Canta Comigo apresenta um formato novo. São ao todo 100 jurados que não buscam apenas a nova voz do Brasil, mas pessoas que tenham de fato uma conexão com a música. A exigência vai muito mais do que ser afinado, mas tem que cativar e influenciar.

Publicidade

“No programa não existe apenas os cantores que jpa trabalham com música, mas também outros profissionais como confeiteiros, como eu que além de trabalhar com a música trabalho com a confeitaria também. Temos pessoas de banco, uma sorveteira. O programa une pessoas de várias frentes de trabalho”, ressalta Ricardo Hora.

Conheça Ricardo Hora

Apesar de sua carreira não ser classificada como “iniciante”, Ricardo Hora entende que ela ainda não foi consolidada. “Sinto que estou em uma fase de aprendizado e experiência para me fortalecer e chegar ao meu objetivo. Meu alvo para 2022 é lançar mais canções autorais e conseguir distribuir minha música não só para um pequeno grupo, mas para um grupo maior. Transmitir às pessoas aquilo que eu sinto”, diz.

Ricardo Hora faz parte do Time de cantores da AMUSIC, e conta com a assessoria da estrategista musical Áurea de Sá. “Meu produtor Executivo conhecia o Roberto Azevedo há mais de 10 anos e nós entendemos que ele era uma pessoa de confiança. Foi por meio dele então que eu conheci a Áurea de Sá. Todos nós estamos na mesma visão. É muito bom quando há essa harmonia, porque a gente sabe que vai dar certo. Eu vi que o meu trabalho ia ser valorizado”, finaliza Ricardo Hora.

Conheça mais do trabalho de Ricardo Hora no Instagram:

Publicidade

https://www.instagram.com/ricardohora_/

Gospel Channel com Ricardo Hora

Continue lendo

Cinema

Filme “A ENTREGA” movimenta a produção de filmes cristãos nacionais e chega aos cinemas no segundo semestre

Publicado

em

Este é o primeiro filme cristão produzido e aprovado pelo Fundo Setorial do Audiovisual

Link online: https://bit.ly/filmeaentrega

O filme “A Entrega” foi rodado em Joinville/Campo Alegre e contou com uma grande equipe que gravou durante 40 dias ininterruptos para casar agenda de todos e alcançar o melhor para o público brasileiro. Diferente da maioria dos filmes cristãos, este está recheado de cenas de suspense e trajetórias inesperadas. Além disso, o longa é o primeiro filme cristão produzido e aprovado pelo Fundo Setorial do Audiovisual, com direção, produção e elenco totalmente brasileiros. A produção ficou na responsabilidade da 360 WayUp e da Larty Mark.  

Com uma história envolvendo crime, denúncia, superação e milagre, o filme conta a história de Vitor que perdeu a família em um acidente de trânsito causado por um motorista alcoolizado. Três meses após a perda, ele ainda permanece sofrendo aquela dor. Mergulhado no trabalho, ele tenta fugir de um sentimento forte de vingança que ainda carrega. O tempo passa e ele é envolvido em uma denúncia policial e sua vida seguirá por um caminho inesperado. Paralelo à essa história, temos o garoto Fabinho que tem uma doença pulmonar e que sofre acompanhando os problemas dentro de casa, causados pelas brigas entre seus pais. De uma forma inesperada, as vidas de Vitor e Fabinho se cruzam e algo incrível acontece dando novo rumo para ambos.

Publicidade

A direção e roteiro é de Fábio Faria, que também dirigiu o filme “Enquanto o Sol de põe”, hoje disponível na Netflix. A distribuição fica na responsabilidade da Imagens Filmes, que já distribuiu “40 dias – o milagre da vida” e “Eu acredito”, filmes lançados com apoio da 360 WayUp.

O longa-metragem “A Entrega” pretende mostrar um país diferente, onde pessoas das classes mais altas também lutam e têm seus dilemas pessoais. A narrativa retrata nos ambientes e locações, as casas em estilo enxaimel da arquitetura alemã tão enraizada na cultura dessa cidade, imprimindo o estilo de vida das pessoas de Joinville, onde todas as ações acontecem. A intenção é exibir um país que não é favela, tráfico e polícia. Trata-se de um painel de um Brasil, raras vezes retratado no cinema nacional.

Entre os atores estão: Victor Pecoraro, que já atuou nas novelas “Chocolate com Pimenta” (Globo), participou da “A Fazenda 13″ e também da novela “Milagres de Jesus” (Record);  Matheus Dantas que atuou na novela global “Nos tempos do Imperador”; Rayanne Morais, que atuou em “Milagres de Jesus”; Brendha Haddad que atuou em “Salve Jorge”, novela da Globo” e “Milagres de Jesus”, na Record; Fernando Sampaio que participou da novela “Segundo Sol” na Globo e da minissérie “José do Egito” da Record; Adhemar de Campos, com participação especial e muitos outros. 

Deus nos abençoou com toda a equipe. A entrega de atuação de todos os envolvidos, inclusive as crianças, foi muito intensa e de qualidade. Isso trouxe muita verdade para a história contada. As locações foram escolhidas a dedo para acrescentarem qualidade e emoção às cenas”, ressalta o diretor.

A expectativa é que o filme entre nos cinemas no segundo semestre das principais capitais do país e vai contar com o apoio de lideranças em todo o país a partir do trabalho de campo que a 360 WayUp já realiza.

Publicidade

Estamos muito felizes de estarmos nos dias finais de gravação. Foi um longo período de pré-produção e cada etapa fluiu muito bem. Acreditamos que em breve teremos no cinema um filme de altíssima qualidade e com história impactante. Um longa para abençoar muitas vidas no Brasil e em outros países” – finaliza Ygor Siqueira, CEO da 360 Way Up.

Informações

Filme: A entrega

Direção: Fábio Faria

Produção: Larty Mark e 360 WayUp

Publicidade

Distribuição: Imagem Filmes

Elenco principal: Victor Pecoraro, Matheus Dantas, Rayanne Morais,Brendha Haddad, Fernando Sampaio e Adhemar de Campos.

Coletiva de imprensa com equipe: Quinta-feira (02/06)

Gospel Channel com 360 Way Up

Publicidade
Continue lendo

Entretenimento

Conheça o “CentralCast”, o podcast oficial da Central Gospel Music

Publicado

em

Apresentado por Ed Araújo, o projeto já apresentou as histórias de Eliane Silva e Kézia Oliveira

A gravadora Central Gospel Music lançou recentemente seu podcast oficial. O “CentralCast” chega com a missão de apresentar as histórias de vida por trás de grandes nomes da música gospel. Suas trajetórias e testemunhos serão detalhados em um bate-papo com o comunicador Ed Araújo. As entrevistas se iniciaram há cerca de um mês e já tiveram como convidadas as cantoras Eliane Silva e Kézia Oliveira.

– Estávamos em busca de novos projetos, projetos atuais e com conteúdo. Após o Ed nos procurar para gravar podcasts para o canal dele, vimos o quanto de conteúdo riquíssimo temos em nossos artistas e o quanto o mundo precisa conhecer essas histórias mais a fundo. Então criamos o “CentralCast” – detalhou Daianara Campos, gestora da Central Gospel Music.

Eliane Silva foi a primeira convidada do CentralCast, apresentado por Ed Araújo

A princípio, a dinâmica do podcast ocorrerá de forma mensal, mas a expectativa é de que, com os planejamentos de cronogramas da gravadora e dos cantores do cast, ocorra a cada 15 dias. Daianara Campos, comentou como tem sido a recepção do público com os dois primeiros episódios já disponibilizados no canal oficial da gravadora Central Gospel Music no YouTube e também nas plataformas digitais.

Publicidade

– Tem sido ótimo. Temos visto a galera se identificando com os testemunhos e pedindo mais. É muito importante quando o público reconhece o artista como alguém com muitos talentos, mas com desafios e dificuldades como qualquer outro – disse a gestora.

Ao adiantar novidades do novo projeto, Daianara contou que além de bate-papo com vários artistas do cast, o “CentralCast” também irá narrar a trajetória da gravadora Central Gospel Music.

– Já temos uma estrada percorrida e esse ano completamos 18 anos de trajetória. Então vem muita coisa por aí – narrou.

Os próximos episódios do CentralCast trarão entrevistas com os cantores Nani Azevedo, em junho, e Thyago Férsil, em julho.

Confira a entrevista com Eliane Silva no “Central Cast”:

Publicidade

https://www.youtube.com/watch?v=THt1zQmnhnU 

Confira a entrevista com Kézia Oliveira no “Central Cast”: 

https://www.youtube.com/watch?v=NM6_EHxuCWk

Gospel Channel com Central Gospel Music

Publicidade
Continue lendo

Trending