Connect with us

Lançamentos 2024

Alexandre Magnani apresenta a versão reggae pop do sucesso “Bênçãos Que Não Têm Fim”

Publicado

em

Canção fará parte do novo álbum que o músico lança ainda neste semestre

Sem dúvida, “Bênçãos Que Não Têm Fim” foi uma das canções que conseguiram furar a bolha gospel e cair no gosto dos mais variados públicos. A versão do hit “Counting My Blessings”, do americano Seph Schlueter, ganhou uma nova roupagem na voz do cantor, músico e produtor Alexandre Magnani.

Envolvido com a música desde a infância e membro de uma família de instrumentistas, Alexandre diz que a ideia de gravar “Bênçãos Que Não Têm Fim” surgiu de forma despretensiosa.

– Conheci a canção no Instagram ainda em inglês com os Stories infinitos da galera! Eu amo o timbre vocal do Seph Schlueter e, depois que a Isadora Pompeo gravou a versão em português, a música ganhou ainda mais notoriedade aqui no Brasil. Assim como muita gente, eu não aguentava mais ouvir essa música e cheguei até a brincar com isso nas minhas redes sociais – conta Magnani.

De acordo com o artista, ele não imaginava que o vídeo publicado no dia 15 de fevereiro deste ano geraria uma repercussão tão grande entre seus seguidores.

Publicidade

– Mal sabia eu que pouco tempo depois eu teria a ideia de fazer um Reels dessa canção numa pegada reggae-pop. Toda terça e quinta-feira eu lanço vídeos interpretando minhas canções e de outros cantores, até que tive a ideia de fazer a “Bênçãos Que Não Têm Fim” junto com a “Deus é Bom” (canção do álbum “Ao Vivo em Lisboa”) e deu muito certo. O pessoal começou a compartilhar meu Reels e dizer que gostaria de ouvir a minha versão inteira. Isso foi um gás pra eu terminar de conceber o arranjo da música toda e pleitear a autorização para lançar minha versão – explica o músico, que fez quase 70 mil visualizações no Reels com a versão do hit, que foi compartilhado por mais de 300 pessoas.

A produção musical e os arranjos da canção ficaram nas mãos do próprio Alexandre, que contou com o trabalho de João Elbert, na edição e na mixagem, e de Fernando Delgado, na masterização. Além disso, o cantor ainda disponibilizou um visualizer em seu canal no YouTube desenvolvido por Victor Cruz, que também foi o responsável pela capa do single usando fotos clicadas por Felipe Falcão.

– A letra dessa música é muito poderosa. A gente brinca que ela é a “Conta as Bênçãos” do

hinário da harpa do século 21. A minha versão trouxe um ar de alegria e esperança que a música já carrega em sua mensagem. Deus derramou e têm derramado tantas bênçãos sobre nós, por que que a gente se preocupa tanto com o dia de amanhã. A versão original do Seph foi gravada em um andamento ternário, em 6/8, mas decidi fazer a minha versão em 4/4, dando uma força ainda maior para a letra da música, deixando ainda mais evidente a mensagem – detalha.

Além do visualizer, “Bênçãos Que Não Têm Fim” terá um clipe oficial assim como as demais faixas do novo álbum que Alexandre Magnani planeja lançar ainda neste semestre. O projeto promete misturar timbres analógicos e digitais.

ROCK, POP, BLUES E JIMI HENDRIX NA BAGAGEM

Publicidade

Com vários álbuns, EPs e singles lançados ao longo da carreira, Alexandre Magnani fez sua estreia na cena musical em 2013 com o álbum “Não Mais Eu”. Numa mistura de rock, pop e blues, ele carrega influências de nomes como Stevie Ray Vaughan, Jimi Hendrix, Eric Clapton, John Mayer, Chris James, Forrest Frank e Devin Kennedy.

Na infância, ele teve no pai o seu maior incentivador e sempre o acompanhou numa congregação de sua antiga igreja. Enquanto o pai cantava e tocava guitarra, cabia a Alexandre tocar a bateria. 

– Cheguei a estudar piano quando criança e depois migrei para a bateria. Quando eu tinha uns 12 ou 13 anos comecei a tocar violão e, em seguida, guitarra. Estudei música na adolescência, quando ainda morava em Rancharia, em São Paulo. Aos 19 anos, vim para São Paulo para estudar no seminário. Fiz música na Faculdade Teológica de São Paulo e passei a frequentar a Igreja Batista em Perdizes, onde fiquei nove anos e comecei a escrever as primeiras canções a fim de servir a comunidade e acabou dando origem ao meu primeiro álbum – recorda.

Três anos após estrear no mercado gospel, Magnani assinou com a Sony Music por onde lançou o álbum “Janela”, que trouxe as participações de Paulo César Baruk e Marcela Taís.

– Esse álbum me define! Definitivamente, o trabalho mais relevante que já lancei até aqui. Meus olhos artísticos foram abertos, meu som, minha maneira de me expressar cantando, as mensagens das letras que eu gosto de passar, as ministrações… Tudo se encontrou nesse álbum que eu amo tanto e que já vai completar oito anos de lançamento – conta Alexandre, que fez mais de dois milhões de plays no Spotify com a faixa “Um Dia de Cada Vez”.

NOVOS CAMINHOS E PROJETOS FUTUROS

Publicidade

Após um tempo no cast da Sony Music, Alexandre Magnani decidiu seguir seu caminho sozinho. Nesse período vieram projetos ao vivo e alguns com a Igreja Batista do Morumbi, onde ele serviu durante sete anos. 

– Pude viver muita coisa boa! Eu amo essa comunidade! Uma dessas coisas boas foi registrar o primeiro álbum ao vivo da igreja, que tem uma tradição grande na música através do trabalho do Guilherme Kerr e do Vencedores Por Cristo. O meu desejo foi dar continuidade a esse legado. Daí começaram a nascer as canções autorais que traduziam o que a gente vivia como igreja naquele momento e também registramos as canções do hinário que mais cantávamos, tudo com arranjos numa linguagem contemporânea. Eu amo esse trabalho e esse registro! Foi um presente de Deus para todos nós! – relata o músico.

Chegando no dia 1º de março de 2024, Alexandre disponibilizou nas plataformas digitais e no YouTube o álbum “Ao Vivo em Lisboa”, gravado com Paulo César Baruk e com a participação de Lito Atalaia em uma das faixas. Os vídeos foram dirigidos por Luke Martins, da Umbrella Media Production. 

– A história desse projeto é bem legal porque a ideia não partiu de mim e nem do Baruk. Nós dois fomos convidados por nossos irmãos de Portugal para um festival, daí eles propuseram que o Baruk e eu fizéssemos um mesmo show. Fui guitarrista do Baruk entre os anos de 2014 e 2016, por isso a nossa amizade e afinidade musical cooperaram para que esse projeto em Lisboa desse certo – declara.

Sete dias após lançar o álbum ao vivo, Alexandre e Baruk se uniram novamente e lançaram uma nova versão de “Deus é Bom”, canção que faz parte do projeto gravado em Lisboa. Na nova roupagem, a dupla trouxe o som trap do cantor Brunno Ramos.

– A música “Deus é Bom” foi o single do álbum “Ao Vivo em Lisboa”. Como o primeiro registro dela foi ao vivo, eu senti a necessidade de fazer uma versão dela em estúdio. A gente optou por um estilo musical moderno e pensar na possibilidade de um rap ou trap era algo que eu já havia cogitado. Escolhemos o trap por uma questão de gosto mesmo, sabe? Conheci o Brunno Ramos com o Ton Carfi e o Brunno somou demais nessa música! A gente está feliz com a forma como essa canção está sendo ouvida e postada nas redes por muita gente. Eu vejo que foi uma mistura boa que deu muito certo! – comemora

Publicidade

Falando agora do futuro, Alexandre Magnani já tem novidades sobre suas próximas realizações, que incluem até mesmo um documentário.

– Um novo álbum de estúdio depois de oito anos do “Janela”. As músicas estão incríveis e eu quero muito mostrar tudo isso para vocês. Em alguns dias lançaremos o documentário do nosso show em Lisboa e toda nossa passagem por Portugal. Fomos à Nazaré, Leiria e Alcobaça que são cidades lindas com um povo muito querido. Quem sabe não reproduzimos esse show aqui no Brasil passando por São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Recife, Fortaleza e por aí vai. Permitindo o Senhor, há muito por viver ainda em 2024! Bora viver o novo! – finaliza.

Ouça o single “Bênçãos Que Não Têm Fim”, em versão reggae pop feita por Alexandre Magnani, nas plataformas digitais: 

https://bfan.link/bencaos-que-nao-tem-fim-2 

Assista ao visualizar de “Bênçãos Que Não Têm Fim”, de Alexandre Magnani, no YouTube: 

https://www.youtube.com/watch?v=gR0F9tD60KU 

Publicidade

 

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe um comentário

Lançamentos 2024

Sylvia Santana na canção “Não Toque No Ungido”, força e esperança em letra e melodia

Publicado

em

O single traz sábios conselhos da cantora para se manter firme na presença de Deus!

A pastora, cantora e compositora Sylvia Santana lança, de modo independente e com a assessoria do Gospel Channel Artistas, a canção autoral “Não Toque No Ungido”, baseada no Salmo 105.15 que diz: “Não toqueis nos meus ungidos, nem maltrateis os meus profetas”. Composta no ano de 2016, a canção está sendo lançada somente agora porque, como Sylvia afirma, “tudo tem seu tempo determinado por Deus e agora chegou a hora de essa música ser lançada. Com essa canção, Deus já estava nos preparando para o que viria a acontecer. Dias depois de escrevê-la, passamos por uma situação muito triste no ministério, quando eu e minha família sofremos muito ao perdemos tudo no ministério e ver acontecer ali uma grande divisão”.

Sylvia explica que o propósito dessa música não é isentar ninguém dos seus erros, seja quem for, pois tudo que vai contra a Palavra de Deus é pecado: “Por isso mesmo, precisamos da luz da Bíblia para discernir o certo do errado. Existem muitas pessoas que se deixam levar pelo ‘espírito de Coré’, mas o nosso dever é sermos guiados pelo Espírito Santo. Coré, um levita da casa de Coate, descendente de Levi, conspirou (com Datã e Abirão, filhos de Eliabe, e Om, filho de Pelete, da tribo de Rúben, e mais 250 líderes israelitas) e instigou uma rebelião contra Moisés e Aarão. Entretanto, Deus castigou revoltosos e confirmou Aarão como líder do povo. Então, devemos seguir a direção de Deus e deixar que Ele mesmo julgue e puna esses tais.

O singleNão Toque No Ungido” foi gravado no Azaffe Productions, em Boston (EUA). O videoclipe, também em Boston (EUA), na Connect Church. A cantora Sylvia diz que gravar com a banda pela primeira vez foi muito especial para ela, “uma experiência que vou guardar para sempre em meu coração”.

A pastora Sylvia Santana e seu esposo, o pastor Missias Santana, pastoreavam no Brasil quando Deus os direcionou para a cidade de Marlborough, Boston (EUA). O casal obedeceu e seguiu viagem. Inicialmente, pensaram que o tempo de pastoreio havia acabado, porém, depois de quatro anos, foram novamente chamados por Deus para pastorear. Sempre obedientes, viam que o Senhor os direcionava de várias formas para que iniciassem o ministério pastoral. Atualmente, pastoreiam na Igreja Assembleia de Deus Fellowship Hope Church em Marlborough. São pais de Francyelli (29 anos), ⁠Jhonatas (25 anos), ⁠Samuel Lukas (15 anos).

Publicidade

Desde os sete anos de idade, Sylvia cantava nas igrejas louvando e adorando a Deus de todo o coração. Embora nutrisse o sonho de gravar um CD, realizá-lo lhe parecia impossível. Entretanto, Deus já tinha tudo preparado e o cenário para a concretização desse sonho foi se descortinando. Depois de 33 anos de uma promessa feita por Deus, o sonho de Sylvia começou a se realizar e ela iniciou o meu primeiro projeto: “Deus Investe” (2016). Desde então, as portas foram se abrindo para Sylvia Santana e ela segue obedecendo ao chamado de Deus para sua vida.

Já foram lançados dois CDs completos e seis videoclipes, totalizando 23 músicas gravadas. Outras canções já estão prontas para serem lançadas com seus respectivos clipes, inclusive a regravação da música “Palavras”.

Não interprete essa canção como aprovação àquilo que é errado, pois realmente existem muitos líderes que já entraram pelo caminho de Caim, almejando o prêmio de Balaão, mas aqueles que sinceramente levam o seu relacionamento com Deus a sério, ao seu tempo, Deus os exaltará e nenhum espírito de manipulação poderá afastá-los da verdade. Não desista dos seus sonhos nem deixe que as promessas e os sonhos de Deus para você morram. Lute, ore, sempre peça a Deus direção e vá em busca de tudo o que o Senhor tem para você. Deus é fiel e, no Seu perfeito tempo, Ele realizará todas as Suas promessas para você. Que Deus, em Cristo, abençoe você e sua família. Um forte abraço.” (Sylvia Santana)

Assista ao videoclipe da canção Não Toque No Ungido”: https://www.youtube.com/watch?v=3qMaNEG4l-E

Ouça a canção “Não Toque No Ungido” no Spotify:
https://bit.ly/NãoToqueNoUngidoSpotify 

Siga a cantora e pastora Sylvia Santana nas Redes Sociais!
Instagram: https://www.instagram.com/pra.sylviasantana
YouTube: www.youtube.com/@PraSylviaSantana
Spotify: https://open.spotify.com/intl-pt/artist/5Gt96rUkwO1CWx7KKYogaI

Publicidade

Siga o Gospel Channel Artistas no Instagram e fique por dentro das novidades: https://www.instagram.com/gospelchannelartistas

Por Ana Paula Costa
Jornalista Gospel Channel Artistas

Continue lendo

Lançamentos 2024

Gabriel Guedes regrava o clássico “Canta Minh’Alma”, que encerra seu novo projeto ao vivo pela Onimusic

Publicado

em

Quem acompanha a carreira de Gabriel Guedes desde 2014, quando ele começou postando covers em seu canal no YouTube, sabe da paixão do artista por clássicos da música cristã. Ao longo de sua trajetória, o cantor lançou releituras dessas canções nas plataformas digitais como “Alvo Mais que a Neve”, “In Memorian”, “Jesus Em Tua Presença”, “Tributo a Iehovah”, “Tu És Fiel, Senhor” e “Quando Jesus Estendeu a Sua Mão”.

E é mais um clássico que ele escolheu para fechar o repertório de seu novo projeto ao vivo pela Onimusic. Depois de apresentar três faixas ao público, ele agora traz o single “Canta Minh’Alma”, uma composição de Jonathan Smith, Logan Cain, Madison Cain Johnson, Taylor Cain Matz, Fanny Crosby e Phoebe Knapp. A versão em português foi feita por Guedes em parceria com Rafa Ortega e Ana Tristão.

– Não é segredo para ninguém que eu amo as canções antigas, os hinos que tanto nos abençoaram e fazem parte da minha trajetória na igreja local e na minha vida com Deus. Essa canção é lindíssima e acho que ela merecia uma releitura um pouco mais atual. Também acredito muito na nossa responsabilidade, como ministros e cantores da atualidade, de apresentar canções à nova geração, a outros jovens que talvez, se não fosse por nós, não teriam a oportunidade de conhecer essas músicas tão fundamentais, lindas e com letras profundas para uma vida cristã. Então, acho que essa minha paixão pelos hinos antigos vai sempre acabar colocando algum deles nos meus projetos – explica o cantor.

“Canta Minh’Alma” (Blessed Assurance) integra o Cantor Cristão, hinário oficial das igrejas Batistas do Brasil, onde figura com o título “Segurança” e aparece na 375ª posição na lista de hinos. A música foi gravada por diversos artistas como CeCe Winams, Alan Jackson, Gatiher e João Alexandre.

– A expectativa para esse lançamento é apresentar essa canção a novos ouvintes, pessoas mais jovens, adolescentes e crianças, enquanto também conversamos com seus pais e avós, pessoas que talvez cantaram essa música na juventude. Quero reativar essa esperança e alegria de cantar “Que segurança, sou de Jesus! Canta Minh’alma, pois Ele é bom” e tem sido fiel cuidando de nós. Assim, reafirmamos o entendimento de sermos completos em Jesus Cristo – expressa Gabriel Guedes, que contou com um trio de instrumentos de sopro na faixa.

Publicidade

Com mais de 2 milhões de ouvintes mensais no Spotify, Gabriel Guedes tornou-se um dos maiores nomes da música cristã contemporânea. Ele deu início ao lançamento do álbum ao vivo em março deste ano com a canção “Minhas Coroas”. Na sequência vieram “Em Breve Ele Virá” e “Shalom”. As três faixas somam mais de 600 mil plays no Spotify e quase 2 milhões de views no YouTube.

– Esse foi um projeto muito especial porque eu estava morrendo de saudade de gravar com o público, de gravar com a igreja, de ter a reação das pessoas cantando junto e adorando ao Senhor. O principal ponto de vista que destaco em “Canta Minh’Alma” é uma mensagem de gratidão a Jesus Cristo, de regozijo, de se sentir realmente completo em Cristo. Acho que ela tem tudo a ver com consolidar e encerrar a mensagem final desse projeto. Cantamos sobre a entrega em “Minhas Coroas”, cantamos sobre a volta de Jesus em “Em Breve Ele Virá”, cantamos sobre a paz que o Espírito Santo nos dá em “Shalom”, e agora finalizamos com uma canção de agradecimento, de segurança, de estarmos completos e felizes: “Que segurança! Sou de Jesus e já desfruto das bênçãos da luz”. Então, essa canção realmente é a que fecha o projeto com chave de ouro – comemora.

Com mais de 2 milhões de inscritos no YouTube, onde acumula mais de 650 milhões de visualizações, Gabriel Guedes se tornou um grande fenômeno na internet e também em igrejas do Brasil, dos Estados Unidos e da Europa. Sempre atuante na área musical, ele já adianta planos para seus próximos projetos.

– Eu realmente me apego muito ao que ainda estamos vivendo. Então, para mim, é um pouco difícil, ainda não tendo finalizado exatamente o projeto atual, pensar no próximo. Mas nos últimos dias isso tem começado a passar pelo meu coração. Tenho tido algumas ideias, desejos e, creio eu, inspirações do Espírito Santo para começar a produzir algo novo, talvez até para lançarmos ainda este ano. A ideia é realizar algo grande, marcante e muito bonito para louvar o nome do Senhor. Será um novo desafio, um novo projeto que em breve deve chegar por aí – anuncia.

Ouça o single “Canta Minh’Alma”, de Gabriel Guedes, nas plataformas digitais: 

https://onilnk.com/l/GabrielGuedes_CantaMinh’AlmaAoVivo 

Publicidade

Assista ao vídeo de “Canta Minh’Alma”, de Gabriel Guedes, no YouTube: 

https://www.youtube.com/watch?v=xPo8KIFbkU0

Continue lendo

Lançamentos 2024

Izabelle Ribeiro lança o seu primeiro feat. com a Quadrangular Worship

Publicado

em

Izabelle Ribeiro, a jovem cantora que ficou conhecida desde sua participação no programa The Voice Kids Brasil 2021, Rede Globo, lança o seu primeiro feat., com a Quadrangular Worship na música “Abro Mão”. A composição é de autoria do pastor Eliéser D’Ávila, produtor musical da Quadrangular Worship, da Igreja do Evangelho Quadrangular, de Belo Horizonte (MG). O tema da canção é o compromisso com Jesus: “Ela fala sobre abrirmos mão, ou seja, renunciarmos ao que somos para vivermos para Cristo. Não importa quem você seja, Jesus ofereceu a própria vida por amor a você, a todos nós. Ele foi crucificado, morreu e ressuscitou para nos reconciliar com o Pai e nos dar a vida eterna. É essa preciosa mensagem que eu e minha igreja queremos pregar por intermédio dessa canção. É uma mensagem do amor de Deus e da nossa responsabilidade em sermos fiéis ao Senhor e Salvador da nossa vida! 

Quando o pastor Eliéser apresentou a canção à Izabelle, ela se emocionou ao ouvi-la pela primeira vez: “Fiquei muito feliz e senti o amor de Jesus por meio da mensagem dessa música. Ela me faz refletir sobre o imenso amor que Jesus teve e tem por nós.” A canção foi gravada na produtora do pastor Eliéser, em Belo Horizonte (MG). No dia 12 de junho de 2024 foi lançado o lyric vídeo no canal oficial da cantora no YouTube, em colaboração com a Quadrangular Worship. 

Izabelle diz que se sentiu honrada e privilegiada por fazer o seu primeiro feat. com a Igreja do Evangelho Quadrangular, sua amada igreja. Ela agradece à pastora Bianca de Oliveira, ao pastor Mário de Oliveira, ao pastor Eliéser D’Ávila, ao pastor Manoel Martins e toda a sua amada igreja “por esse momento tão especial e inesquecível”. 

Pela terceira vez na Convenção Nacional da Igreja do Evangelho Quadrangular, que acontece em Itajaí, Santa Catarina, Izabelle diz o quanto é grata a Deus pela sua igreja que sempre a apoiou e esteve sempre ao seu lado, desde o The Voice Kids 2021. 

Izabelle é membro da 1ª Igreja do Evangelho Quadrangular (IEQ), de Manaus (AM), cujo presidente estadual é o pastor Manoel Martins. Izabelle é neta do pastor José Cavalcanti de Melo e da pastora Elizabete Cavalcanti, superintendentes da Igreja do Evangelho Quadrangular – IEQ, em São Paulo (SP). Finalista do The Voice Kids 2021, reality show musical da Rede Globo, no qual mostrou seu talento para milhares de pessoas. Izabelle sempre foi apoiada pela IEQ, especialmente pelo presidente nacional da Igreja, pastor Mário de Oliveira e sua esposa, pastora Bianca de Oliveira. Sua vida sempre foi dedicada ao Ministério Quadrangular, uma missionária nas mãos do Senhor. 

Publicidade

Izabelle Ribeiro nasceu em Manaus (AM); muito comunicativa, meiga e alegre, ela canta desde os oito anos de idade. Izabelle é apresentadora do programa “Fala Aí”, na TV Encontro das Águas, de Manaus (AM). Além de cantar, Izabelle ama estar conectada com seus seguidores nas redes sociais e tem se dedicado a eles, principalmente do Instagram, Facebook, YouTube e TikTok, levando-lhes conteúdo musical e seu dia a dia com o trabalho de influencer. 

Quando a canção diznão sou mais eu quem vivo, mas Cristo vive em mim’, ela fala sobre renunciar e viver para Cristo todos os dias da nossa vida. Sei que ela vai abençoar todos que a ouvirem. É por isso que convido todos vocês a ouvirem esse feat. que marcou a minha vida e tenho certeza de que vai marcar a sua também. Ouça agora a música ‘Abro Mão’: Quadrangular Worship feat. Izabelle Ribeiro em todas as plataformas digitais. E que Jesus Cristo abençoe você e sua família.” (Izabelle Ribeiro) 

 

Assista ao Lyric Vídeo da canção “Abro Mão” feat. Quadrangular Worship:  https://www.youtube.com/watch?v=2HpdrueyjHY  

Siga a cantora Izabelle Ribeiro nas Redes Sociais!
Spotify: https://open.spotify.com/intl-pt/artist/74kfzSZBsfGsaDC4pHnWFF
Instagram: https://www.instagram.com/izabelleribeirooficial
YouTube: https://www.youtube.com/c/IzabelleRibeiro
Facebook: https://www.facebook.com/IzabelleRibeiroOficial
Deezer: https://www.deezer.com/us/artist/133631052
Apple Music: https://music.apple.com/br/artist/izabelle-ribeiro/1593314954
Amazon Music: https://music.amazon.com/artists/B095JH98RP/izabelle-ribeiro
 

Acompanhe as novidades do Grupo Show Gospel no Instagram: https://www.instagram.com/showgospel
 

Publicidade

Por Ana Paula Costa
Jornalista – Assessora de Imprensa Grupo Show Gospel
anacostacomunicacao@gmail.com 

 

Continue lendo

Trending