Connect with us

Exclusivo

Resenha do novo EP de Cassiane “A voz”

Publicado

em

Já faz tempo que não escrevo minhas impressões sobre algum projeto. Até porque não se lança mais obras completas de 12 a 14 faixas inéditas para ficar analisando. O modo como ouvimos música mudou e temos que seguir essas mudanças. Essa semana tivemos o lançamento do EP “A voz” da cantora Cassiane pela MK Music. 

Já vamos começar falando de um ponto extremamente positivo. Ao contrário do que foi feito com EP de Elaine de Jesus e Midian Lima, desta vez a gravadora resolveu lançar todas as músicas de uma vez juntamente com um clipe. Chamo isso de positivo porque temos um projeto para ouvir inteiro e não só as músicas realmente novas, afinal, ficam lançando 1 música a cada mês e depois lançam o EP apenas com duas faixas inéditas o que acaba com o brilho da palavra “Lançamento”. Eu prefiro assim e que venham mais clipes posteriormente. 

Todas as canções são produzidas por Jairinho Manhães, que no último trabalho de Cassiane (Nível do céu) conseguiu muito elogios em relação a obra por completo. Desde o disco Faça diferença (2007) Cassiane não surpreendia o público com um CD bem produzido em todos os detalhes. 

Quando se escuta “A voz” eu percebo ainda resquícios de “Nível do Céu”, o tal Pentecostal Worship, mas dessa vez um pouco mais leve com esse lado da moda e mais voltado para o pentecostal. Com apenas 5 faixas posso dizer que Cassiane surpreendeu.

Publicidade

Você pode ouvir durante a resenha um pouco de cada faixa através do Spotify (Para ouvir completo é necessário fazer login)


Olha o que Deus faz – Composição de Gislaine e Mylena é considerada a faixa mais pentecostal do EP. Um estilo que os admiradores do ministério de Cassiane esperam que ela volte explorar mais. O ruim dessa faixa é que ela acaba rápido. É a mais curta do projeto. O refrão principal é explorado apenas duas vezes. 

Publicidade




Não sou mais orfão – Uma letra muito profunda escrita por Dimael Kharrara. Mas que já altera o tom do EP se comparado a primeira faixa. Eu tenho um sério problemas com refrãos curtos e explorados inúmeras vezes num ritmo monótomo, mas com essa é diferente, a canção consegue ser “elegante” e não agride o fato de ser repetitiva. Os arranjos do maestro conseguem nos envolver junto com a letra, e quando se encaminha para o final tem um desfecho muito bom simplesmente parando!! Dando a impressão de “Chega” para não ser tão repetitivo. 







Deus Vem – Essa foi a canção lançada com clipe no dia que o EP estreou em todas as plataformas digitais, por isso o primeiro single do EP. Por questão da PANDEMIA o clipe inclusive foi gravado inteiro em estúdio, sem Cassiane gravar nada externamente. Arranjos bem empoderados com vários nuances de subidas e descidas com um ritmo acelerado e marcante. Faz sentido a escolha como 1º single. A composição é de Dimael Kharrara e Tayrone Hayran.

Publicidade





A voz – Aqui temos uma faixa verdadeiramente singular. Tema do EP com uma letra tão marcante e arranjos “pesados”, falando positivamente! A composição dessa música é de Jotta A, obviamente ela foi gravada muito antes dessa atual polêmica envolvendo o ex-cantor e compositor gospel, mas mostra o quanto ele conseguia capturar as inspirações dos céus e transcrevê-las com facilidade. O que nos resta, é apenas orar por ele e nada mais. Vamos deixar o julgamento para o Pai! A canção realmente nos leva a um clima de adoração e ainda traz o refrão de um dos hinos mais belos da Harpa Cristã, “O Senhor da ceifa chama” (hino 127). Jotta A como compositor é incrível. No CD “Nível do Céu” ele escreveu a faixa “Até teus braços”. Um dia quem sabe ele sente saudade volta para os braços de quem nunca o abandonou.





Feridas de um soldado – Aquela letra que te faz chorar. É assim que eu posso resumir essa faixa. O que tem de soldados machucados por essa nação, ainda mais nesse atual momento que vivemos. É interessante que Midian Lima lançou o single “Soldado Ferido” há duas semanas atrás e agora Cassiane também nos trás o mesmo tema, mas com ritmos e temperamento bem diferentes. Não teria como não fazer essa comparação! A composição dessa faixa é de André Freire. 

Publicidade

Ainda na semana de lançamento Cassiane confirmou que a MK vai produzir CDs físicos para venda, porém em edição limitada com poucas cópias, o que está virando tendência no mercado gospel, e essa tendência é a alegria para quem gosta de colecionar CDs, o ruim como as tiragens são limitados o preço vem um pouco mais caro do que o comum.  

Porém tudo depende de que estratégia a gravadora vau usar, lançar um CD com as 5 faixas mais os playbacks ou esperar Cassiane gravar outro EP e juntar tudo em um só. A MK lançou alguns EPs em fomato físico, mas nada demais, quem sabe ela não dê mais atenção a edições especiais para colecionadores. 

“A voz” é um EP curto (23 min), que cumpre muito bem sua proposta ao estilo pop-pentecostal. Em 2020 Cassiane completa 39 anos de ministério e ainda está entre as maiores cantoras do meio pentecostal e gospel no Brasil. 

Publicidade

Gospel Channel | Coluna: Provocador Gospel | Fotos: MK Music | Divulgação: P2S digital

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Exclusivo

CGADB irá processar todos que se opõem as lições da EBD e seus comentaristas?

Publicado

em



Provocador Gospel – Em uma nota de esclarecimento sobre as lições da Escola Bíblica Dominical deste trimestre, que é ministrada na maioria  das Assembleias de Deus em todo o Brasil , A CGADB/CPAD publicou dizendo que “Será aberto processo ético disciplinar para apurar a conduta dos responsáveis pelos fatos e suas publicações.” Ou seja ninguém pode contestar ou criticar os “Homens de Deus” que assinam as lições da famosa revistinha! 

Publicidade

Tudo começou quando o pastor José Roberto dos Santos da igreja evangélica Assembleia de Deus da cidade de Abreu e Lima,  censurou a revista do 3º trimestre de 2021 da CPAD em seu ministério. Segundo a igreja de Abreu e Lima, o comentarista da lição, pastor Claiton Ivan Pommerening, possui “posições ideológicas marxistas , apologia à teologia da libertação e promoção do ecumenismo em ambientes confessionais assembleianos”.

Essa afirmação magoou o atual presidente da CGADB, Pr José Wellington Júnior, filho do Pr José Wellington Bezerra da Costa, ou seja, a família comanda as Assembleias de Deus do Brasil desde 1995. 

Quando digo comanda quero dizer quero dizer que todas as convenções abaixo são submetidas a CGADB, e uma boa fatia das Assembleias de Deus são vinculadas a essas convenções:

Publicidade
  1. CEIMADAC
  2. CEMEADAP
  3. CEADTAM
  4. COMIEADEPA
  5. CIADSETA-PA/MT
  6. CIMADMUBE
  7. CEMADERON
  8. CEDADER
  9. COMADER
  10. CIADSETA-TO
  11. COIMADETINS
  12. COMADAL
  13. CEADEB
  14. CONFRAMADEB
  15. CONADEC
  16. CIMADEC
  17. CONFRADECE
  18. COMADECE
  19. CEADEMA
  20. COMADESMA
  21. COMEAD-CGPB
  22. COMADEP
  23. COMADALPE
  24. CONADEPE
  25. CEADEP
  26. CEMADERN
  27. CMIADESE
  28. CEADDIF
  29. COMADEBG
  30. COMADEPLAN 
  31. COMADEMAT
  32. COMADEMS
  33. CADESGO 
  34. CONFRAMADEGO
  35. CIMADSETA
  36. CADEESO
  37. CEMADES
  38. COMADEESO
  39. CONFRADEESTO
  40. CEADES
  41. COMADEMG
  42. COMADETRIM 
  43. COMADVARDO
  44. CIMADEMIGO
  45. COMADELESTE 
  46. CONFRADEMGO 
  47. CEADER
  48. CONFRADERJ
  49. COMADERJ
  50. CEADERJ
  51. CPEADERJ
  52. COMAERJ 
  53. COMIADEF
  54. CONFRADESP
  55. COMADESPE
  56. CIEADESPEL
  57. COMOESPO
  58. CIEADEP
  59. CIEPADERGS
  60. CIADESCP

Se você é pastor ou possui outro cargo eclesiástico e faz parte de alguma convenção citada acima quer dizer que você faz parte da CGADB e está submetido a todas as regras impostas pela convenção. Agora imaginem como o abalo deve estar forte sendo que uma igreja, cujo pastor é filiado a CGADB, decidiu banir a revistinha do 3º trimestre. 

O controle da CPAD pertence a CGADB que já mobilizou seu departamento jurídico para impedir quaisquer questionamentos sobre seu material. 

Quem é o Claiton Ivan Pommerening?



Foto Reprodução Rede Sociais

Doutor (2015) e Mestre (2008) em Teologia pela Faculdades EST. Possui graduação em Teologia pela Faculdade Evangélica de Teologia de Belo Horizonte – FATEBH (2009), graduação em Ciências Contábeis pela Fundação Universidade Regional de Blumenau (1990) e especialização em Teologia e Bíblia pela Faculdade Luterana de Teologia (2004). 

Publicidade

Atualmente é diretor da Faculdade Refidim e do Colégio Evangélico Pr. Manoel G. Miranda; vice-presidente da CEEDUC – Associação Centro Evangélico de Educação Cultura e Assistência Social em Joinville (SC). Editor da Azusa Revista de Estudos Pentecostais (ISSN 2178-7441) da Faculdade Refidim de Joinville (SC) e da Revista REPAS – Rede de Estudos Assembleianos (ISSN 2526-5458). É docente e pesquisador na Faculdade Refidim. 

Tem experiência na área de Administração de entidades sem fins lucrativos, com ênfase em Administração de Unidades Educativas. 

Membro do Conselho Geral da RAE – Rede Assembleiana de Ensino, membro do grupo gestor do RELEP ? Rede Latino-americana de Estudos Pentecostais, membro do GEP – Grupo de Estudos do Pentecostalismo/Refidim e do FPLC – Fórum Pentecostal Latino-americano e Caribenho.

Claiton é casado com Thaís Andréa Mafra Pommerening desde 1990, desta união nasceram duas filhas: Letícia Nicolle  e Thaíne Saloá. 

Como podemos ver seu histórico não condiz com as acusações provindas de Abreu e Lima que, até agora, não apresentou provas das acusações e está levantando debates no meio das Assembleias de Deus por todo o Brasil. 

Publicidade

O fato que me chama atenção é que a CGADB querer colocar uma mordaça a todos que criticarem e se opuserem as lições da CPAD, que já há anos estão desatualizadas e sendo repetitivas e cada vez mais caras! Isso jamais irei concordar!

E sim, a editora deve sair em defesa de seu comentarista visto que as acuações contra ele são graves e a igreja de Abreu e Lima deve explicações, assim como Claiton Pommerening deveria se manifestar sobre o assunto e desmentir essas acusações e não se esconder atrás da CGADB. Provavelmente alguém do jurídico aconselhou ele a não dizer nada. 

Provocador Gospel

Gospel Channel

Publicidade
Continue lendo

Exclusivo

Há 20 anos Cassiane lançava o CD “Recompensa”

Publicado

em

Atualidades Gospel – Em 1999 a música pentecostal ficou marcada na história com três lançamentos que ditaram os moldes do estilo no novo milênio que estava chegando. Os três lançamentos foram produzidos pelo maestro Jairo Manhães. Elaine de Jesus apresentava o CD “Muito especial”, Lauriete “Palavras” e Cassiane “Com muito louvor”, e este último mencionado rompeu todas as barreiras que a música gospel tinha até então, até mesmo congregacionais. 

Com muito louvor hoje está situado como um dos discos que mais venderam na música gospel brasileira. Cassiane conquistou inúmeros prêmios e seu nome já estava marcado no cenário musical. Imaginem agora como estava a expectativa para o lançamento do seu próximo disco. Quase dois anos após a chegada de “Com muito Louvor”, a MK Publicitá (hoje MK Music) e a cantora apresentavam o disco que veio consolidar Cassiane como o maior nome da música pentecostal na década que estava se iniciando. “Recompensa” chegou causando um verdadeiro estrondo no mercado e nas igrejas. 

O CD praticamente seguiu a receita do anterior. Arranjos modernos pra época, letras fortes e rápidas e tons nas alturas que só Cassiane consegue executar com maestria! Lembrando que quando a cantora gravou o álbum ela estava grávida de seu segundo filho, Caio, que nasceu em setembro daquele ano. 

Publicidade

Não existia em 2001, um conjunto das Assembleias de Deus que não tinha pelo menos uma faixa do “Recompensa” em suas pastas. Cassiane conseguiu superar todas as expectativas e o álbum teve singles lembrados até hoje como “Recompensa”, “500º”, “Minha benção”, “Não reclame”, “Eis-me aqui”, “Aqui tem Glória” e “Deus responde”. 

Recompensa rompeu as 100 mil cópias vendidas em poucos dias, o que pra música gospel não era nada fácil de acontecer. Não é atoa que até hoje Cassiane é reconhecida como a maior recordista de vendas da MK Music. Em um ano foram 300 mil discos comercializados, o que fez Cassiane ganhar disco de platina. (Lembrando que antes de 2004 disco de platina pela ABPD (hoje Pró-Música) eram para vendas acima de 250 mil cópias).

Atualmente estima-se que o disco vendeu mais de 750 mil cópias. Suas remessas de fábrica já percorreram todas as tiragens de AA a AZ, BA a BZ, CA a CZ e DA a DZ e assim vai! Aposto que você vai correr olhar pra ver sua tiragem não é mesmo! Sem contar as primeiras cópias que nem continham publicamente as tiragens. 

Podemos dizer que esse disco também foi um marco para o  Reuel Music Estúdios, que se tornou o estúdio de gravação mais procurado pelos cristãos pela qualidade técnica e sonora que estava entregando. Vários outros cantores começaram a gravar e/ou masterizar suas músicas no Reuel, estúdio que pertence a Cassiane e seu esposo e produtor musical Jairo Manhães. 

Publicidade

Recompensa ganhou diversos prêmios, entre eles o troféu talento nas categorias  melhor CD pentecostal e melhor cantora. E o prêmio Sendas, sendo a primeira cantora evangélica a ficar entre os 10 CDs mais vendidos da rede em 2001. 

Já ouvi alguns colegas comentando, mas nunca evidenciando em matérias, que Cassiane recebeu “a capa” que Sofia Cardoso carregava de ser a cantora mais conhecida do público assembleiano com o CD “Recompensa”. Pra quem não sabe, ou não se lembra, foi nesse disco que Cassiane gravou uma composição de Sofia Cardoso, que para muitas cantoras é referência até hoje. A música “Razão do meu viver” possui uma letra muito profunda e Cassiane a interpretou com bastante ousadia. 

Você pode ouvir o CD recompensa na sua plataforma digital preferida. E hoje dia 03/05/2021 o CD está a venda no MK Shopping por apenas R$ 4,99 + frete

Publicidade

Gospel Channel indica: Assista a análise feita por Ismael Willian, do canal Ismael de coração, do CD “Recompensa”

Atualidades Gospel

Gospel Channel

Publicidade
Continue lendo

Exclusivo

Como uma gravadora “quase” acaba com anos de história

Publicado

em

Provocador Gospel – A MK Music vacilou demais com o lançamento do clipe a “A voz” da cantora Cassiane. Com 39 anos de carreira, praticamente com todos os maiores lançamentos da cantora pela MK Music, que sempre cuidou da imagem de Cassiane como um todo, desde fotos até gravação de DVDs shows. Sempre cuidou do marketing da cantora, produziu inúmeras produções de vídeo para o YouTube dela e de vários outros de seu cast; Conseguiu envolver uma das maiores representantes da música pentecostal como alvo de inúmeras críticas em menos de 5 dias.

Claro que com like ou deslikes a MK ganhou muito em cima do vídeo, por isso a demora para retirar ele do ar, afinal estava a caminho de 1.000.000 de visualizações. Porém vi comentários muito ofensivos aos cristãos e a própria Cassiane, essas pessoas que somente apareceram no vídeo para ofender ao invés de criticar. A MK Music e sua diretora Marina de Oliveira assumiraram publicamente a culpa pelo ocorrido e no domingo trabalharam para editar o novo clipe e relançá-lo.

De qualquer forma deveriam ter percebido o alerta vermelho na noite de quinta-feira onde mais de 1.000 deslikes já estavam sendo computados, o que não é normal em um lançamento gospel. Na sexta já estavam sendo mais de 5.000 e no sábado veio a tona toda essa confusão. Foram mais de 30.000 deslikes até madrugada de sábado para domingo.

Publicidade

A maioria dos comentários veio de pessoas não evangélicas, que pouco conhecem a carreira de Cassiane, ou até mesmo, nunca ouviram falar. Julgaram demasiadamente a cantora por causa de um único vídeo. Mas uma coisa é certa, a música “A voz” foi elogiada por unanimidade, o problema realmente era a produção do vídeo clipe.

Cassiane publicou uma nota oficial em suas redes sociais:

Já diz o velho ditado – Há males que vem para o bem – A Voz foi uma das músicas gospel mais executadas entre sábado e segunda. As pessoas  que criticaram o clipe e a romantização da violência contra a mulher são as mesmas que elogiam filmes como 365 DNI da Netflix. O clipe pode ser chamado de lixo, mas a música é linda!

Publicidade

Fica o aprendizado para a MK Music e com certeza para as demais gravadoras e selos do meio cristão. Ainda mais nós cristãos, onde qualquer errinho pode ser fatal!

Gospel Channel | Provocador Gospel

Publicidade
Continue lendo

Trending